Dúvidas sobre dores no joelho ao praticar exercícios

A prática de atividades físicas proporciona melhora na saúde, na qualidade de vida, além de auxiliar no alívio do estresse, entre outros benefícios. Entretanto, para que o exercício não se torne um problema é necessário seguir critérios e cuidados na hora de executar os movimentos, principalmente em relação aos joelhos.

Em algumas situações a ansiedade por resultados rápidos em meio à prática do exercício físico pode nos levar a lesões. Segundo o ortopedista e traumatologista, André Ogasawara, o joelho é um das partes do corpo que mais sofrem com a carga excessiva de exercícios.

O ortopedista listou algumas lesões que podem causar dor nos joelhos, como a condromalácia: uma doença que altera a cartilagem da patela e pode proporcionar dor durante as atividades do dia a dia, principalmente na hora de subir e descer escadas. O problema está relacionado a fatores anatômicos e a sobrecarga no joelho, como nas corridas.

Conforme o especialista, também existe a tendinite patelar, um processo inflamatório do tendão patelar e na maioria dos casos está ligado a atividades esportivas de saltos e desacelerações bruscas, como o atletismo e o futebol.

Calçados inadequados
Escolher um calçado adequado para a prática esportiva é um passo importante, André Ogasawara ressaltou que a síndrome da Banda Iliotibial (uma inflamação na região lateral da coxa) está relacionada ao uso de calçados inadequados. “Os principais sintomas são: hipersensibilidade, dor e sensação de queimação na região lateral da coxa. As dores também podem ser relacionadas com a sobrecarga provocada por treinamentos, competições e encurtamentos musculares”, disse Ogasawara.
Lesões

Entre as patologias registradas por Ogasawara, estão às famosas lesões de menisco e ligamentares, ambas podem ser ocasionadas por entorses do joelho. “Uma lesão no menisco causa dor na linha articular e até travamentos. Já a lesão de ligamentos podem gerar dor, limitação funcional e sintomas de instabilidade do joelho”, explicou.

Como podemos prevenir?
Todo esporte pode ser potencialmente prejudicial se não for feito com critério, alertou o ortopedista e traumatologista André Ogasawara. “Para os joelhos, os exercícios mais prejudiciais são os que implicam em paradas bruscas, saltos, mudança de direção repentina, flexão e rotação”, ressaltou.

As orientações do especialista segue entre escolher exercícios adequados para o nível de condicionamento físico e idade, realizar alongamento e aquecimento muscular, fazer progressos graduais, ou seja, começando com treinamento leve até condicionar o corpo. “O acompanhamento de um especialista é recomendado. Um treinador, médico do esporte ou personal trainer pode aconselhar e ajudar na evolução da prática, além de prevenir problemas por rotinas inadequadas”, esclareceu Ogasawara.

Tratamentos e alternativas
Quando ocorre uma lesão, André Ogasawara aconselha imediatamente a realizar compressas de gelo para diminuir o inchaço no local. “A fisioterapia pode auxiliar no tratamento em longo prazo. Porém em alguns casos o tratamento é cirúrgico, como nas lesões de menisco ou do ligamento cruzado anterior. Quem sofre uma lesão grave e fica incapacitado de retomar sua antiga prática esportiva tem nos esportes dentro da água uma boa opção, pois não oferecem praticamente nenhum impacto aos joelhos”, finalizou.

fonte: Ilustrado
imagem retirada de https://medicoresponde.com.br/o-que-pode-causar-dor-no-joelho/



Whatsapp